U2028

AGRICULTURA 1939-2

ÍNDICE

(2.o VOLUME)

Pags.

ADMINISTRAÇÃO

3
  PESSOAL 5
  MATERIAL 7
  Construções 7
  Escola Nacional de Agronomia 7
  Aprendizados Agrícolas 8
  Escola Agrícola de Barbacena 8
  Núcleos coloniais 8
  Entrepostos 8
  Estações Experimentais de Piscicultura 9
  Fábrica para aproveitamento de cação 9
  Dependências do Centro Nacional de Ensino e Pesquisas Agronômicas 9
  Usina de Ipanema 10
  Estação de Ensaio de Máquinas 10
  Estação de Investigações Fitossanitárias 10
  Estação Experimental de Trigo 10
  Estações experimentais e Campos de sementes de plantas texteis 11
  Parques Nacionais 11
  Fazendas experimentais de criação e outras dependências do Departamento
Nacional da Produção Animal 11
  Exposição de animais 12
  Serviço de Meteorologia 12
  Sedes das dependências do Ministério nos Estados 12
  Contratos 13
  Renda de próprios nacionais 14
  CONTABILIDADE 17
  Custeio dos serviços de acordos entre os Estados e o Serviço de Plantas
Texteis 19
  Despesas de acordos de que trata a lei n.o 199, de 23-1-936 - Fomento da
Produção Vegetal 20
  Acordos visando o cooperativismo e a padronização dos produtos de
exportação 21
196
Pags.
  Renda arrecadada em 1939 22
  Recursos orçamentários e créditos suplementares 23
  Créditos especiais 24
  COMUNICAÇÕES 25
  BIBLIOTECA 27

COMISSÃO DE EFICIÊNCIA

31

ECONOMIA RURAL

35
  EVOLUÇÃO DA ECONOMIA RURAL BRASILEIRA 35
  Produção Agrícola 39
  Intercámbio Comercial do Brasil em 1939 42
  Problemas de economia rural 44
  O momento econômico internacional 46
  Pesquisas econômicas e sociais 49
  Custo dos produtos 49
  Circulação dos produtos 49
  Mercados internos 49
  Mercados externos 50
  Condições de armazenagem 50
  Cadastro rural 50
  Exploração da terra 50
  Atividades rurais 50
  Salários 50
  Organização do trabalho rural 50
  Associações rurais 51
  Habitat rural 52
  CRÉDITO AGRÍCOLA COOPERATIVO 53
  O desenvolvímento do cooperativismo no País 56
  Fiscalização 61
  Cooperativas de consumo 61
  Cooperativas de crédito 61
  Cooperativas de produção 62
  Cooperativas de 2.o grau 64
  A PADRONIZAÇÃO COMO BASE FUNDAMENTAL DA ORGANIZAÇÃO DE MERCADOS 64
  Café 68
  Algodão 72
  Cacau 76
  Fruticultura 78
  Laranja 80
  Banana 84
197
Pags.
  Diversas fibras texteis 86
  Couros e peles 90
  Espécies exportadas 91
  Exportação de couros e peles - 1939 92
  A indústria de carnes no Brasil 93
  Óleos vegetais 95
  Mamona 96
  Fumo 97
  Borracha 99
  Produção e consumo mundiais de borracha 100
  Madeiras 102
  Exportação de madeiras do Brasil no quinquênio 1935/1939 102
  Madeiras exportadas em 1939 104
  Milho 104
  Papel, Celulose e pasta mecânica 105
  Importação de papel no quinquênio 1934/1938 105
  A produção de papel no Brasil 106
  A importação de celulose e pasta mecânica 107
  A produção de celulose e pasta no Brasil 107
  Organizações para celulose e pasta ainda não funcionando 108
  A matéria prima brasileira mais adequada 109
  As necessidades fundamentais da indústria nacional de celulose e
pasta 110
  AS RENDAS DO SERVIÇO DE ECONOMIA RURAL 111
  Classificação de algodão 111
  Exportação de laranjas, bananas e abacaxis 111
  Outras rendas 111
  PUBLICAÇÕES 111
  CONCLUSÃO 112
  Registos concedidos ás Cooperativas pelo Ministério da Agricultura, no
período de 1927/39 113
  Movimento financeiro geral das Cooperativas e sua distribuição
estadual 114
  Exportação de algodão, seus resíduos, linter e aparas, durante o ano de
1939, por paises de destino 118
  Exportação de algodão, seus resíduos, linter e aparas durante o ano de
1939, por Estados de procedência 119
  A exportação do Brasil e o papel do algodão na economia de nossos
Estados 120
  Classificação dos cafés liberados no mercado do Rio de Janeiro 121
  Classificação do Café entrado em Santos, sem discriminação de safra, em
1939 122
198
Pags.
  Renda da Classificação do Algodão arrecadada pelo Serviço de Economia
Rural e suas agências nos Estados, no ano de 1938 122
  Renda da classificação do algodão arrecadada pelo Serviço de Economia
Rural e suas agências nos Estados, no ano de 1939 122

FISCALIZAÇÃO DO COMÉRCIO DE FARINHAS

123
  PEDIDOS DE AUTORIZAÇÃO 123
  ANÁLISES DAS FARINHAS PANIFICAVEIS 123
  APROVEITAMENTO DO TRIGO NACIONAL 123
  Reajustamento aos moageiros nacionais 124
  Farinha de trigo pura 124
  NOMENCLATURA DE PRODUTOS FARINÁCEOS DE MANDIOCA 125
  Obrigatoriedade de mistura de farinha de raspa e exclusão de outros
produtos de mandioca 125
  Análise do farelo de mandioca 126
  Classificação das farinhas de raspa de mandioca, de milho e de arroz 126
  Aumento de mistura 126
  A questão das percentagens 127
  Produtos para mistura 127
  Preços 128
  Controle fiscal na produção de amidos, féculas e farinhas panificaveis,
destinadas á exportação 128
  Relação com os paises visinhos produtores de trigo 128
  Padronização de sacaria 129
  Padronização dos boletins 129
  TRANSAÇÕES ENTRE PRODUTORES E CONSUMIDORES 129
  Orientação aos produtores 130
  CRIAÇÃO DE INSPETORIAS NOS ESTADOS 130
  A MARCHA DOS SERVIÇOS 130
  Movimento da importação de farinha de trigo, trigo em grão, estrangeiros
e produção de farinha mista destinada ao consumo 131
  Importação 131
  Produção 131
  Resumo 131

SERVIÇO FLORESTAL

133
  SILVICULTURA 135
  Horto Florestal do Distrito Federal 136
  Distribuição de sementes 136
  Mensuração carpológica 136
199
Pags.
  Ensaíos germinativos 136
  Sementeiras 137
  Repicagem, enviveiramento e produção de mudas 137
  Distribuição de mudas 137
  Horto Florestal de Lorena 137
  Reflorestamento 137
  Sementeiras 137
  Horto Florestal de Ubajara 138
  Horto Florestal de Ibura 138
  BOTÂNICA 138
  Movimento de visitantes 138
  Herbário 138
  Publicações 139
  TECNOLOGIA DE PRODUTOS FLORESTAIS 139
  PARQUES NACIONAIS 141
  Parques Florestais municipais em projeto 141
  Parques projetados pela Secção de Parques Nacionais 142
  Parque Nacional de Itatiaia 142
  Parque Nacional do Iguassú 142
  Parque Nacional da Serra dos Orgãos 143
  BIBLIOTECA 143

METEORELOGIA

145
  PESQUISAS 147
  Meteorologia Estática 147
  Instrumentos 147
  Meteorologia Dinâmica 147
  METEOROLOGIA APLICADA 148
  Proteção á navegação aérca e marítima 149
  Previsão do Tempo 150
  Aerologia 151
  VERIFICAÇÃO DAS OBSERVAÇÕES 153
  INSPETORIA GERAL DA REDE 153
  BIBLIOTECA 154
  SERVIÇO DE SONDAGENS NAS ESTAÇÕES DA REDE AEROLÓGICA 155

ENSINO AGRÍCOLA

157
  REGISTRO DE DIPLOMAS 157
200
Pags.
  ESCOLAS DE AGRONOMIA 157
  CONCURSO DE PROFESSORES 158
  ESCOLA AGRÍCOLA DE BARBACENA 159
  APRENDIZADOS AGRÍCOLAS 159
  Aprendizado Agrícola "Rio Branco" 159
  Aprendizado Agrícola "Manuel Barata" 159
  Aprendizado Agrícola "Vidal de Negreiros" 160
  Aprendizado Agrícola "João Coimbra" 160
  Aprendizado Agrícola "Floriano Peixoto" 160
  Aprendizado Agrícola "Benjamin Constant" 160
  Aprendizado Agrícola "Sergio de Carvalho" 160
  Aprendizado Agrícola "Nilo Peçanha" 161
  Aprendizado Agrícola "Visconde de Mauá" 161
  Aprendizado Agrícola "Visconde da Graça" 161
  Aprendizado Agrícola de Mato Grosso 161
  CONCURSO DE LIVROS DE LEITURA 162

ESCOLA NACIONAL DE VETERINÁRIA

163

ESTATÍSTICA DA PRODUÇÃO

165
  Produção Agrícola
  Quantidade produzida 166
  Valor da produção 167
  Produção extrativa vegetal
  Quantidade 177
  Valôr 178
  Produção Mineral
  Quantidade 179
  Valôr 180

PUBLICIDADE AGRÍCOLA

181
  OFICINAS GRÁFICAS 181
  Tipografia 181
  Litografia 181
  PUBLICIDADE 184
  Imprensa 184
  Distribuição de publicações 184
  Boletim do Ministério 185
  Publicações editadas 185
  Rádio difusão 191
  CINEMATOGRAFIA 191
  Filmes confeccionados 192