U1765

FAZENDA 1914

INDICE

DOS

ARTIGOS E TABELLAS CONTIDOS NESTE RELATORIO

Pags.

INTRODUCÇÃO

V

APRECIAÇÃO DA RECEITA E DESPESA DOS EXERCICIOS DE 1912, 1913 E 1914

3

IDEM DA UNIÃO DE 1910 A 1914

11

DIVIDA ACTIVA:

  Externa 16
  Interna 17

DIVIDA PASSIVA:

  Externa 17
  Interna 22
  Divida fluctuante 24

DEMONSTRAÇÃO DO FUNDO DE RESGATE DO PAPEL MOEDA

25

DEMONSTRAÇÃO DA CONTA DO FUNDO DE GARANTIA

26

DEMONSTRAÇÃO DA CONTA DO FUNDO DE AMORTIZAÇÃO DOS EMPRESTIMOS

INTERNOS 27

DEMONSTRAÇÃO DO FUNDO PARA RESGATE DE TITULOS DO EMPRESTIMO PARA O RESGATE

DAS ESTRADAS DE FERRO ENCAMPADAS 28

RELAÇÃO DOS DECRETOS ABRINDO CREDITO PARA O EXERCICIO DE 1914

28

EMPRESTIMOS A BANCOS - EMISSÃO DA LEI N. 2.863 DE 24 DE AGOSTO DE 1914

49

CONTRACTO DO NOVO (FUNDING)

55

ISENÇÃO DE DIREITOS

59
VI
Pags.

QUOTAS DOS EMPREGADOS DAS ALFANDEGAS

59

AREIAS MONAZITICAS

61

PORTO DE SANTOS

68

COMMERCIO EXTERIOR DO BRASIL

71
  O cafe 85
  A borracha 91
  O assucar 93
  O algodão 94

MOVIMENTO MARITIMO

94

MOVIMENTO BANCARIO

101

SITUAÇÃO FINANCEIRA DOS ESTADOS E DO DISTRICTO FEDERAL

103

EMPRESTIMOS EXTERNOS E EMPREGO DE CAPITAL ESTRANGEIRO

104

ESCRIPTURAÇÃO DO THESOURO NACIONAL POR PARTIDAS DOBRADAS

105

THESOURO NACIONAL:

  Directoria do Gabinete 112
  Directoria da Contabilidade 116
  Directoria da Despesa 116
  Directoria da Receita 119
  Directoria do Patrimonio Nacional 120
  Procuradoria Geral da Fazenda Publica 122

CAIXA DE AMORTIZAÇÃO

129

CAIXA DE CONVERSÃO

170

CASA DA MOEDA

177

ESTATISTICA COMMERCIAL

196

LABORATORIO NACIONAL DE ANALYSES

198

RECEBEDORIA DO RIO DE JANEIRO

203

IMPRENSA NACIONAL

217

LLOYD BRASILEIRO

226

INSPECTORIA DE SEGUROS

228

CAMARA SYNDICAL

261

FISCALIZAÇÃO DAS LOTERIAS

285

FISCALIZAÇÃO DOS CLUBS DE MERCADORIAS

287

DELEGACIAS FISCAES:

INTRODUCÇÃO

288
  Acre 289
  Amazonas 300
  Pará 302
  Maranhão 307
VII
Pags.
  Piauhy 308
  Ceará 311
  Rio Grande do Norte 314
  Parahyba 316
  Pernambuco 318
  Alagôas 320
  Sergipe 321
  Bahia 323
  Espirito Santo 326
  S. Paulo 329
  Paraná 332
  Santa Catharina 337
  Rio Grande do Sul 338
  Matto Grosso 347
  Minas Geraes 348
  Goyaz 351

ALFANDEGAS - Introducção

353
  Rio de Janeiro 355
  Manáos 364
  Belém (Pará) 371
  Maranhão 374
  Parnahyba 380
  Fortaleza (Ceará) 384
  Natal (Rio Grande do Norte) 388
  Parahyba 392
  Recife (Pernambuco) 397
  Maceió 401
  Aracajú 403
  Bahia 406
  Victoria 411
  Santos 416
  Paranaguá 418
  Mesa de rendas de Antonina 425
  Florianopolis 426
  S. Francisco do Sul 432
  Porto Alegre 444
  Rio Grande 455
  Pelotas 463
  Uruguayana 465
  Santa Anna do Livramento 469
  Corumbá 476

CAIXAS ECONOMICAS - Introducção

482
VIII
Pags.

AUTONOMAS:

  Rio de Janeiro 483
  Pernambuco 487
  Bahia 492
  S. Paulo 497
  Minas Geraes 507
  Rio Grande do Sul 511

ANNEXAS ÁS DELEGACIAS FISCAES:

  Amazonas 512
  Pará 513
  Maranhão 516
  Piauhy 517
  Ceará 518
  Rio Grande do Norte 520
  Parahyba 520
  Alagôas 521
  Sergipe 521
  Espirito Santo 522
  Paraná 523
  Santa Catharina 524
  Matto Grosso 526
  Goyaz 527

CONCLUSÃO

527
IX

Tabellas, quadros, demonstrações, etc.

A - Receita da Republica dos Estados Unidos do Brasil de 1905 a 1914.

B - Despesa da Republica dos Estados Unidos do Brasil de 1904 a 1914.

C - Total dos creditos abertos de 1889 a 1914.

D - Comparação dos totaes das propostas do Governo com os totaes dos

orçamentos da despesa votados pelo Congresso de 1889 a 1915.

N. 1 - Tabella da divida activa externa.

N. 2 - Estado da divida externa fundada em 31 de dezembro de 1914.

N. 3 - Amortização dos emprestimos externos até 31 de dezembro de 1914.

N. 4 - Divida interna em 31 de dezembro de 1914.

N. 5 - Tabella da emissão de lettras do Thesouro.

N. 6 - Estado da divida anterior a 1827, não inscripta e menor de 400$000.

N. 7 - Divida inscripta no Grande Livro.

N. 8 - Divida inscripta nos auxiliares dos Estados, ainda não lançada no

Grande Livro.

N. 9 - Emissão de apolices de 1 de abril de 1904 a 31 de março de 1905, em

seguimento á tabella n. 10 do relatorio de 1907.

N. 10 - Tabella da remessa de cambiaes para Londres em 1914.

N. 11 - Tabella das quantias despendidas pelo Governo com os juros de 2 %

garantidos pelas administrações estadoaes ás estradas de ferro da Bahia e de
Pernambuco.

N. 12 - Importancias em apolices de 4 %, ouro, reconvertidas nos termos do

dec. 2.907, de 11 de junho de 1898 até 31 de março de 1915.

N. 13 - Demonstração da conta de bens de defuntos e ausentes.

N. 14 - Demonstração do emprestimo do Cofre de Orphãos, extrahidos

dos balanços geraes do Thesouro.

N. 15 - Depositos de diversas origens, excluidos os da Caixa Economica e do

Monte de Soccorro da Capital Federal.

N. 16 - Estado do Cofre de Depositos Publicos a 31 de dezembro de 1914.

N. 17 - Depositos do Monte de Soccorro.

N. 18 - Demonstração do saldo dos depositos das Caixas Economicas.

N. 19 - Tabella demonstrativa da despesa dos diversos Ministerios nos 20

exercicios ultimos, comprehendidos os depositos.

N. 20 - Tabella demonstrativa da receita dos 20 exercicios ultimos,

comprehendidos os depositos e a renda com applicação especial.

Renda arrecadada pelas Repartições Federaes em 1914.

Renda das Collectorias Federaes do Estado do Rio de Janeiro em 1914.

Quadros apresentados pela secção de escripturação por partidas dobradas:

N. 1 - Thesouro Nacional - Exercicio de 1914 - Balanço da receita e despesa

da União, no exercicio de 1914.

N. 2 - Thesouro Nacional - Balanço do activo e passivo da União, em 1914.